Foram mais de 140 mil pessoas a visitar a maior feira agrícola do centro e norte do país. A 35.ª edição da Agrival deu a conhecer, ao longo de 10 dias, o grande leque de variedades regionais e nacionais, sem esquecer os diversos concursos relacionados com os produtos típicos da região, como “broa de milho”, “pão-de-ló”, “cebola”, “melão de casca carvalho” e a 13.ª edição da Mostra Nacional de Gastronomia onde se degustaram diversas iguarias de vários pontos do país e da Galiza.

A 35.ª edição da Agrival contou com momentos de cultura e entretenimento e atuações de diversos ranchos, grupos de cantares, artistas nacionais e dj’s, e com cerca de 350 expositores, com produtos desde a produção agrícola à gastronomia, maquinaria, gado, artesanato, moda, serviços e novas tecnologias.

Como vem sendo hábito, no dia de S. Bartolomeu, dia 24 de agosto, na centenária feira das cebolas, foram vendidas cerca de 120 toneladas de cebolas. Em dia dedicado à agricultura, decorreu ainda o colóquio “A agricultura familiar e a nova política agrícola”, organizada pela Confederação Nacional das Cooperativas Agrícolas e do Crédito Agrícola de Portugal.

A novidade este ano esteve relacionada com a reciclagem. Pela primeira vez a Agrival 2014 registou a reciclagem de cerca de 40 toneladas de resíduos como papel/ cartão, plástico/metal, vidro, resíduos orgânicos e sólidos urbanos, sucata, madeira e alcatifas e ainda cerca de 200 litros de óleo alimentar.

No dia 24, dia dedicado ao concelho de Penafiel, a 35.ª Agrival recebeu a visita do primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, uma estreia para o certame já que em 35 edições a feira nunca tinha recebido a visita do chefe de Governo.

Para ao presidente da câmara municipal de Penafiel este é apenas mais um facto para considerar a 35.ª Agrival “um sucesso”, quer para os produtores, como para os visitantes e para a região.

“Esta edição ganhou ainda mais visibilidade e prestígio com a visita, pela primeira vez em 35 anos, do Primeiro-Ministro de Portugal e vários secretários de Estado, o que prova a consideração e atenção que o Governo Central tem por este certame, mas sobretudo por Penafiel e pelos penafidelenses”, sublinhou Antonino Sousa, que garante que a 35.ª Agrival superou todas as expectativas. “As nossas expectativas foram superadas ao atingirmos mais de 140 mil visitantes, o que comprova a autossustentabilidade e importância da Agrival, possibilitando a centenas de empresas uma oportunidade de excelência para se promoverem e fazerem negócios e ao público de diversos pontos de interesse e de diversão”, sublinhou o autarca penafidelense.