Seguindo as recomendações e orientações de política de saúde, a Administração Regional de Saúde do Norte, IP (ARSN) está a implementar o Programa de rastreio do cancro da mama em toda a região.

Para este efeito a ARSN contratou os serviços da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC), para a realização de mamografias, consultas e exames complementares (sempre que necessários) bem como para o envio das cartas convite.

Dando continuidade a este Programa de Rastreio no ACES do Vale do Sousa Norte, é a partir de dia 27 abril e nos próximos 7 meses, que serão convidadas a fazer uma mamografia, as mulheres elegíveis com idades compreendidas entre os 45 e os 69 anos – cerca de 9400 – inscritas nas unidades de cuidados de saúde primários de Felgueiras.

O local de realização é a unidade móvel de rastreio estacionada junto ao “centro de saúde” de Felgueiras.

O que precisa de saber sobre o Programa de Rastreio do Cancro da Mama.

O que é o rastreio do cancro da Mama?

             O rastreio do cancro da mama consiste na realização de uma mamografia que é uma radiografia aos dois seios.

             A mamografia pode detetar cancros mamários numa fase precoce, mesmo quando eles são demasiado pequenos para os palpar ou ver.

Porque necessito de fazer o rastreio do cancro da mama?

             É entre os 45 e os 69 anos que o rastreio é mais eficaz e pode ajudar a detetar pequenas alterações. Se estas forem detetadas numa fase precoce, há boas hipóteses de uma recuperação com êxito.

Quem deve fazer a mamografia?

             Todas as mulheres com idades compreendidas entre os 45 e os 69 anos deverão fazer este exame de dois em dois anos.

             Em função da sua história pessoal, o seu médico pode propor-lhe uma mamografia antes dos 45 anos ou depois dos 70 anos.

Como é que posso fazer o rastreio?

             Se tiver uma idade compreendida entre os 45 e os 69 anos e estiver inscrita num centro de saúde da região norte, o seu médico de família/Administração Regional de Saúde do Norte informa a Liga Portuguesa Contra o Cancro que deverá convidá-la para fazer uma mamografia.

             A Liga Portuguesa Contra o Cancro deverá enviar-lhe uma carta convite com indicação da data em que poderá realizar a radiografia aos dois seios e o local onde se encontra a unidade de rastreio.

             Esta unidade de rastreio é móvel (estaciona no seu concelho de dois em dois anos)

O que é que me acontece durante o rastreio?

             Quando chegar, uma funcionária da Liga explicará os detalhes do exame que vai realizar e fará algumas perguntas.

             Esteja à vontade para esclarecer as dúvidas que tenha sobre o rastreio.

             Habitualmente são precisas duas radiografias para cada seio.

             Para obter uma boa imagem o seio é comprimido entre duas placas especiais.

             A quantidade de radiação por exame é tão pequena que o risco com a repetição do exame de dois em dois anos é praticamente inexistente.

Quando é que recebo o resultado?

             O resultado da mamografia ser-lhe-á enviado pela Liga Portuguesa Contra o Cancro, em carta fechada, para a sua residência e para o seu médico, num prazo que não deverá ser superior a quatro semanas após o exame.

Tenho que pagar alguma coisa?

             Não, a mamografia e todos os exames que lhe forem eventualmente efectuados no âmbito deste Rastreio são gratuitos.

Saiba o que é normal para si, olhe para os seus seios e palpe-os.

Se detetar alterações da mama, tais como um pequeno nódulo ou espessamento localizado, assimetria dos contornos da mama, retração da pele ou corrimento mamilar, consulte o seu médico.