Modalidades. Pela terceira vez consecutiva a equipa do Paredes /Rota dos Móveis arrebatou a taça Carlos Meinêdo. Foi a desforra dos paredenses diante do Fluvial para quem tinha perdido o título de campeão.

António Orlando – texto

Rui Ramos – foto

A equipa de Pólo Aquático de Paredes conquistou, no dia 23 de outubro, em Felgueiras, a Supertaça Carlos Meinêdo, em masculinos, pela terceira vez consecutiva. O triunfo foi alcançado diante o Clube Fluvial Portuense por 9-8. Uma vitória arrancada a ferros, dado que a formação paredense esteve a perder por 7-2. Mas uma ponta final irrepreensível trouxe para o concelho um novo título nacional.

Os atletas de Paredes venceram o Fluvial Portuense por 9-8, com golos de António Cerqueira (4), Tiago Costa (1), Miguel Mariani (2) e Ricardo Teixeira (2).

O treinador Nuno Mariani tem por adjuntos Ricardo Sousa e Miguel Mariani, que também acumulam a função de jogadores, estreou-se a vencer à frente do comando técnico do Paredes. A vitoria na Supertaça Carlos Meinêdo foi alcançada por esta impressionante sequência de parciais: 1-3, 1-4, 3-0, 5-1.

“Foi uma vitoria difícil no primeiro jogo oficial. A equipa jogou sempre bem. Falhou na concretização nos dois primeiros quartos de jogo. No terceiro e quarto começamos a acertar tanto as marcações defensivamente como a acertar com a baliza contrária”, analisou Nuno Mariani (…)

Leia a noticia completa na edição em papel de 4 de novembro ou subscreva a assinatura digital no nosso site.