A Lord promoveu visita cultural ao universo judaico de Belmonte

Turismo Cultural. Comunidade Judaica de Belmonte é uma das mais antigas do mundo. Judeus, em segredo, resistiram aos ditames de D. Manuel.


António Orlando – texto


A Fundação A Lord realizou no dia 17 de fevereiro, uma visita cultural ao Museu Judaico, em Belmonte.

O Museu Judaico de Belmonte, que foi há cerca de um ano alvo de obras de requalificação, dá grande protagonismo e destaque à Comunidade Judaica de Belmonte como última herdeira dos judeus de Sefarad, que durante 500 anos manteve em segredo a sua fé, a sua religião e as suas práticas.

O museu permitiu ainda uma visita, aos cerca de meia centena de paredenses, aos princípios básicos do judaísmo patentes da coleção de objetos.

A Comunidade Judaica de Belmonte é uma das mais antigas comunidades judaicas do mundo, tendo sobrevivido à inquisição por manter em segredo a prática religiosa.

Seguindo a política de (…)

Leia a notícia completa na edição em papel de 23 de fevereiro ou na edição eletrónica subscrevendo a assinatura digital no nosso site.