Conservatório de Música de Paredes encerrou as comemorações do trigésimo aniversário

Na noite de 26 de janeiro, a Igreja Matriz de Paredes, acolheu o Concerto de encerramento das comemorações das comemorações do 30° Aniversário do Conservatório de Música de Paredes.

O espetáculo começou com o Coro de 2º Ciclo, que interpretaram ‘E Nana Kakou I Na Manu, de Herb Mahelona’ e também ‘Kura Furaha, de Jim Papoulis’, acompanhados pelo Professor, Ricardo Sousa e pela Pianista, Amélia Iliescu.

Seguiu-se o Ensemble de Cordas com ‘Dantz/Ballet/Courant, de Paul Peuerl’, ‘Menuett, de Jean-Baptiste Lully’ e ‘Sinfonia, de Henry Purcell’, com a condução do Professor, Sérgio Calisto.

A Orquestra de Cordas interpretou ‘Two Chorals, de  J. S. Bach’, ‘Sellenger’s round, de  John Playford’, ‘Grimstock, de John Playford’, ‘Two Hungarian dances from 18th century, de Saltus I, Saltus II’ e ‘Oreo, de Jan Strykers’ acompanhada pelo Professor, Sérgio Calisto.

A encerrar com chave de ouro, a Orquestra de Sopros apresentou ‘Domus Deorum (O Lar dos Deuses), de Diogo Martins (Estreia Absoluta) e ‘Zeus – King of the Gods, de Rob Romeyn’, com direção do Professor, Frederic Cardoso.

Beatriz Meireles, Vereadora da Cultura do Município de Paredes recordou que “ao ouvir o aluno Diogo Martins a falar da mãe, lembrei-me que, também eu, há trinta anos atrás, entrava pela mão do meu pai no Conservatório de Música de Paredes. A ele, um dos fundadores, juntamente com outras pessoas, às famílias, aos alunos, aos professores, aos presidentes e suas equipas de direcção, dedico-lhes estas palavras de reconhecimento e alegria. Um grande concerto de encerramento do trigésimo aniversário assistimos hoje. Parabéns!”