Os maus resultados futebolísticos em dois clubes do concelho de Paredes- Sobrosa e Aliados de Lordelo – levaram nas últimas semanas ao afastamento dos respetivos treinadores. Primeiro foi Cristiano Santos rescindir o contrato de treinador do CCD Sobrosa, da I Divisão Distrital da AFP, tendo disso substituído por Hélder Ferreira. Pouco tempo depois foi a vez de Juvenal Brandão deixar o Aliados FC Lordelo, da Divisão de Elite. Para o lugar do cronista d´O Progresso de Paredes foi contratado Pedro Ferreira, que levou para adjuntos João Silva e Vítor Carneiro.

Esta época, Pedro Ferreira, 36 anos, já tinha orientado o São Pedro da Cova, tendo alcançado quatro vitórias em 13 partidas. Em 2018/19, foi treinador do FC Alpendorada e do SC Rio Tinto, onde conquistou a Taça AF Porto.

“É um privilégio treinar um clube com os pergaminhos do Aliados FC Lordelo. Prometo trabalho, muito trabalho”, afirmou Pedro Ferreira, no Facebook.

Juvenal Brandão deixou o Aliados de Lordelo em nono lugar da Divisão de Elite, Série 2 da AF Porto, com 25 pontos somados.

“Face a um cenário de enorme escassez de jogadores e ausência de reforços, informei a direção que, com este cenário, não me sentia capaz de fazer mais e melhor, na luta pelos dois primeiros lugares”, justificou Brandão.

Após as mudanças de treinadores, Sobrosa e Aliados venceram os seus jogos pondo fim a resultados menos conseguidos que precipitaram as mudanças técnicas.