O Presidente da Câmara Municipal de Paços de Ferreira, Humberto Brito, preside, terça-feira, 30 de Abril de 2019, às 16 horas, à inauguração da exposição da coleção “Sobreiro” dos Irmãos Campana, com a presença de Paulo Lourenço (ex-Cônsul-geral de Portugal no Brasil, na inauguração ‘Experimenta Portugal ’18’, evento realizado em São Paulo dedicada à arte e cultura luso-brasileiras.

A exposição ficará patente ao público no átrio de entrada do edifício camarário de Paços de Ferreira e reúne peças exclusivas de mobiliário em cortiça portuguesa, cuja mostra contou com a parceria da Corticeira Amorim, da empresa de móveis Época, de Paços de Ferreira, e da marca Capital Europeia do Móvel, promovida pela Câmara Municipal. Produzidas em Paços de Ferreira.

Foram desenvolvidas pelo Estúdio Campana, de Fernando e Humberto Campana, um dos principais estúdios de design do mundo, cujo projeto é inspirado em materiais nobres de Portugal.

Para a conceção das peças, os irmãos Campana realizaram um pesquisa profunda sobre a cultura e realidade portuguesa, que ocorreu, principalmente, com a visita de Humberto Campana a Portugal, em janeiro, tendo sido recebido pelo presidente da Câmara Municipal de Paços de Ferreira, Humberto Brito.

Fernando e Humberto Campana identificaram na cortiça – produto de tradição portuguesa e um dos principais materiais de exportação nacional – “a matéria prima ideal para a conceção de móveis com design sólido, enquanto curvilíneo e leve”.

“O projeto é um marco para a cidade de Paços Ferreira, considerado um dos maiores centros de produção de mobiliário na Europa, que aposta cada vez mais no crescimento internacional”, destaca uma nota do Consulado português no Brasil.

Fundado em 1983, em São Paulo, pelos irmãos Fernando e Humberto Campana, o Estúdio Campana tornou-se famoso pelo design de mobiliário, por criações de peças icónicas – como as poltronas Vermelha e Favela – e, também, por ter crescido nas áreas de design de interiores, arquitetura, paisagismo, cenografia, moda, entre outras.