Uma mulher de 74 anos, natural de Lordelo morreu hoje vítima do novo coronavírus.

A revelação foi feita pelo autarca de Paredes, Alexandre Almeida, ao endereçar publicamente as condolências à família e amigos da septuagenária.

O autarca considera que foi “com muita tristeza e consternação” que recebeu hoje a notícia da morte de uma paredense de 74 anos, vítima da doença do coronavírus.

Num momento de pandemia mundial particularmente difícil para Portugal, Almeida reitera que “como cidadão e como autarca”, lamenta profundamente a perda de uma vida humana.

“Nesta ocasião muito triste para a comunidade de Paredes, apresento as minhas condolências à família e aos amigos da vítima”, pode ler-se na nota do Presidente da Câmara de Paredes.