O partido PAN questionou o Governo sobre a atual situação da ETAR de Arreigada, em Paços de Ferreira, após relatos de que esta ainda não se encontra em funcionamento, exigindo que o Ministro do Ambiente e Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, “esclareça e explique às populações afetadas as razões dos atrasos com graves prejuízos ambientais e para a saúde pública, bem como a data prevista para entrada de funcionamento da mesma”, refere a deputada, Bibiana Cunha.

“O PAN pretende ainda saber se já foram identificados os responsáveis pelas descargas no rio e, se sim, como pretende responsabilizar os infratores”, refere Bibiana.

 As descargas no rio Ferreira têm-se arrastando ao longo do tempo com graves consequências para os habitantes de Lordelo.

O afluente tem vindo a ser continuadamente alvo de descargas ilegais e sem tratamento, sendo várias as denúncias feitas quanto ao estado de contaminação deste curso de água, tendo o PAN já em 2018 questionado o Governo que à época deu nota de que a obra de remodelação e ampliação da ETAR se encontrava adjudicada e que os trabalhos já se encontravam em curso. 

O PAN garante que continua a receber diversas denúncias segundo as quais não se registou até à data qualquer melhoria da qualidade da água do rio Ferreira.