PS defende criação de regulamento para atribuição de subsídios às associações

O Partido Socialista defendeu na última reunião de Câmara a necessidade de ser criado um regulamento que defina os critérios de atribuição de subsídios anuais às associações do concelho. Em causa estava a aprovação da atribuição de 8 mil euros à Associação Cultural José Guilherme Pacheco, para fazer face às dificuldades económicas da mesma.

Foi Alexandre Almeida, vereador do PS, que recordou as palavras de um autarca de freguesia que era contra os subsídios, admitiu não ir tão longe, mas que considera que devia existir um “regulamento de atribuição, porque parece que estes subsídios são atribuídos ad hoc. Celso Ferreira, presidente da câmara, rebateu, afirmando que há critérios e que neste caso é para fazer face a dificuldades financeiras, considerando ainda que é uma verba fundamental para manter uma associação que é muito importante para Paredes, defendeu que o município tem de auxiliar nestes casos.

 

Leia a notícia completa na edição em papel de 16 de janeiro ou subscreva a assinatura digital no nosso site.