O Centro Recreativo e Cultural de Briteiros, Guimarães, acolheu este sábado o 1° Open Internacional Citânia de Briteiros’19.

O torneio, disputado na variante de triplete, teve a duração de 8 horas e contou com a participação de 120 atletas que constituíram 40 equipas em representação de 12 clubes, 5 dos quais filiados na APZN – Associação de Petanca da Zona Norte.

De realçar a presença de 5 formações de Vigo e uma de Paris, sendo as restantes provenientes de 7 concelhos Nortenhos. O de Guimarães foi o mais representativo com 14 equipas, seguido de Paredes 8, Fafe 4, Famalicão 3, Póvoa de Lanhoso e Braga 2 e Arcos de Valdevez 1. 

A final da prova principal foi disputada por duas formações de Vigo, tendo a capitaneada por Noélia de Cós vencido a chefiada por Ivan Gallego. No jogo de apuramento dos 3º e 4º lugares, Bruno Nogueira, Paulo Forca e Carlos Ferreira, do Clube Caçadores de Rebordosa, ganharam à equipa do Clube de Petanca das Taipas constituída por Manuel Oliveira, José Costa e João Costa.

O 1º lugar da competição secundária, intitulada de consolação, também foi para Vigo. A formação liderada por Carrasca venceu Fernando Freitas, Manuel Ribeiro e Manuel Gonçalves, do Clube de Petanca das Taipas.

No próximo sábado a partir das 14 horas no Parque do Rio Ferreira, será a vez de Lordelo, Paredes, receber o Torneio Internacional Rota dos Móveis, prova de doublete sob a responsbilidade do Clube Amigos da Petanca.