O dia de hoje vai terminar com a Super Especial, corrida nas ruas de Amarante, às 21h25.


Publicado por António Orlando


Já foi dado o “tiro de partida” para o Rali Amarante Baião, que vai estar na estrada entre hoje e amanhã, sábado, nas serras dos mesmos concelhos. Nesta penúltima prova do Campeonato de Portugal de Ralis, o Clube Automóvel de Amarante estreia um figurino disputado em asfalto, composto por 11 especiais de qualificação, divididas por duas etapas, num total de 115,8 km cronometrados.

No shakedown, João Barros/António Costa, a jogar em casa e na estreia do Skoda Fabia R5, rubricou o melhor tempo 1.53.000s. Logo atrás, ainda dentro do segundo 53 passou a dupla José Pedro Fontes/Paulo Babo (Citroën C3 R5). No terceiro e quarto postos, passaram os Hyundai I20 R5, das duplas Armindo Araújo/Luís Ramalho e Diogo Gago/Jorge Carvalho. Pedro Meireles/Mário Castro (Skoda Fabia R5), fecharam o “top” cinco.

Nas duas rodas motrizes Bernardo Sousa/Valter Cardoso “passou melhor”, logo seguido do líder do campeonato, Daniel Nunes/Rui Raimundo, ambos em Peugeot 208 R2.

O dia de hoje vai terminar com a Super Especial, corrida nas ruas de Amarante, às 21h25.

À chamada responderam 70 pilotos, divididos pelo Campeonato de Portugal de Ralis (CPR), Campoonato de Portugal de Ralis 2WD, Campeonato de Portugal GT de Ralis, Campeonato de Portugal de Clássicos de Ralis, Campeonato de Portugal Iniciados de Ralis, Taça FPAK de Ralis, Campeonato Norte de Ralis, Copa 106 e Challenge 1000cc.