António Orlando – texto

O USC Paredes vai jogar em Silves, no Algarve, a 2ª eliminatória da Taça de Portugal depois de ter sido repescado para a competição. O Silves- USC Paredes está marcado para o próximo dia 27.

Recorde-se que na 1ª eliminatória o Paredes tinha perdido com o Valadares, nos penaltis por 4-2, na sequência de uma igualdade a zero após prolongamento. A repescagem dos unionistas nada tem que ver com a hipótese de contestação do jogo que os dirigentes do Paredes admitem, tal como se pode ler na edição desta semana do Progresso de Paredes.

Além do USC Paredes outras 13 equipas tiveram idêntica sorte ao serem também incluídos no sorteio da segunda ronda da Taça. A repescagem surge ao abrigo do novo modelo da Taça de Portugal, que entrou esta temporada em vigor com o objetivo de levar a prova a mais clubes – 160 em vez de 135 –, com especial destaque para os menos cotados. A primeira eliminatória contou com 118 equipas amadoras (distritais e CNS), mas há algumas particularidades para as próximas fases.

Desde logo em relação à repescagem, que surge no lugar dos isentos. Assim, segundo o regulamento, 14 das equipas afastadas na primeira eliminatória terão uma nova oportunidade. Estes 14 juntam-se aos 59 qualificados na eliminatória anterior e aos 19 da 2.ª Liga, para totalizar os 92 que entram em campo no próximo dia 27.