A GNR deteve dois homens, um de 33 e outro de 55 anos, por violência doméstica.

Um dos agressores é suspeito de tentativa de homicídio da esposa e o outro foi detido por ameaças à sua ex-companheira.

As detenções decorreram de diligências de investigação relativas a dois inquéritos de violência doméstica que corriam no DIAP de Paredes, segundo fonte do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE).

Depois de interrogados por um juiz de Instrução Criminal, no Tribunal do Marco de Canaveses, os detidos ficaram proibidos de contactar com as vítimas.